top of page

Setembro Amarelo - Prevenção ao suicídio

A vida é a melhor escolha!


Em 2014 nasceu a campanha Setembro Amarelo. Uma parceria da Associação Brasileira de Psiquiatria, com o Conselho Federal de Medicina. Essa escolha se deu porque no dia 10 de setembro é celebrado o Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio, um assunto delicado, mas que precisa ser falado.


O Setembro Amarelo já é a maior campanha anti estigma do mundo, mas as suas ações de prevenção acontecem durante todo o ano.



O suicídio é uma triste realidade que atinge o mundo todo e gera grandes prejuízos à sociedade. De acordo com a última pesquisa realizada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) em 2019, todo ano são registrados mais de 700 mil suicídios em todo o mundo, sem contar com os episódios subnotificados, pois com esses, estima-se em mais de 1 milhão de casos. No Brasil, os registros se aproximam de 14 mil registros por ano, ou seja, em média 38 pessoas cometem suicídio por dia.


Ainda de acordo com a OMS, todos os anos, mais pessoas morrem como resultado de suicídio do que HIV, malária, câncer de mama ou guerras e homicídios. Entre os jovens de 15 a 29 anos, o suicídio foi a quarta causa de morte depois de acidentes no trânsito, tuberculose e violência interpessoal. Trata-se de um fenômeno complexo, que pode afetar indivíduos de diferentes origens, sexos, culturas, classes sociais e idades.


É preciso falar sobre o tema

Ainda é um grande tabu, mas todos nós devemos atuar ativamente na conscientização sobre a importância da vida de cada um e, assim, ajudar na prevenção do suicídio. Conversar sobre o assunto com pessoas que estejam passando por momentos difíceis e de crise, para que busquem ajuda e entendam que a vida será sempre a melhor escolha.


Se informar para aprender e ajudar alguém é a melhor saída para lutar contra esse problema tão grave. É muito importante que as pessoas saibam identificar que alguém está pensando em se matar e a ajude, tendo uma escuta ativa e sem julgamentos, mostrando que está disponível para ajudar e demonstrando empatia.



4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Opmerkingen


bottom of page